Notícias

Tarifas de viagens na rodoviária de Serra Talhada vão ficar mais caras a partir desta sexta (1)

As tarifas de embarque intermunicipal e interestadual cobradas nos terminais rodoviários pernambucanos geridos pela Socicam ficam mais caras a partir de amanhã. A decisão foi publicada pela Agência Estadual de Regulação de Pernambuco (Arpe) no Diário Oficial do estado. O reajuste reivindicado pela Socicam, no valor médio de 4,5260%, é justificado para compensar os efeitos da inflação entre 1º de outubro de 2017 a 30 de setembro de 2018. O reajuste das tarifas de embarque valem para os terminais rodoviários de Arcoverde, Caruaru, Garanhuns, Petrolina, Recife e Serra Talhada.

As viagens intermunicipais entre 50 km até 100 km terão aumento de R$ 1,00. As de 100 km a 200 km, aumentam R$ 2,50. Para as viagens acima de 200 km e as interestaduais, o aumento é maior, de R$ 6,30.

Enquanto isso, a Frente de Luta pelo Transporte Público de Pernambuco (FLTP) conseguiu na última semana impedir o reajuste das tarifas em virtude da inobservância das regras previstas pelo Regimento Interno do Conselho Superior de Transporte Metropolitano. Os conselheiros Pedro Josephi e Márcio Morais impetraram um Mandado de Segurança pedindo a suspensão de qualquer discussão sobre aumento das passagens na reunião do Conselho. O que foi acolhido pelo juiz Theodomiro Noronha, da 2ª Vara da Fazenda da Capital, e confirmado pelo desembargador Waldemir Tavares Filho, do Tribunal de Justiça de Pernambuco.

Amanhã, os conselheiros, que são coordenadores da Frente de Luta, serão recebidos pelo secretário de Desenvolvimento Urbano e Habitação, Marcelo Bruto, que é também presidente do CSTM. A FLTP quer discutir a implementação integral do SIMOP e da Tarifa Única; atualização e modernização da composição do CSTM, tendo em vista a paridade (número de representantes do governo igual aos da sociedade); discussão sobre o modelo remuneratório e tarifário; licitação das linhas de ônibus; transparência e abertura dos dados do sistema e das empresas de ônibus; bem como, segurança e climatização nos veículos serão os temas abordados no encontro.

Será apresentada também a proposta formulado pela FLTP de redução da tarifa do Anel A de R$ 3,20 para R$ 2,70 e a extinção dos outros anéis. “Nos últimos anos, todos os aumentos foram acima do IPCA, logo se fosse aplicado este índice, teríamos uma passagem a R$ 2,70. Por outro lado, a tarifa única foi um compromisso do governador Paulo Câmara. Esperamos que o novo secretário faça encaminhamentos concretos”, afirmou o conselheiro. O encontro acontece na sede da Secretaria, no Detran, às 15h30.

Via Vila Bela FM

Etiquetas
Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *