Política

Rodrigo Maia afirma que pode aceitar impeachment de Bolsonaro

O desembarque do DEM da candidatura de Baleia Rossi (MDB-SP) ao comando da Câmara dos Deputados irritou o atual presidente da Casa, Rodrigo Maia (DEM-RJ), que falou que há chances de aceitar um pedido de impeachment contra o presidente Jair Bolsonaro.

O DEM, do qual Maia participa, anunciou neste domingo (31) que estaria liberando seus deputados para votarem em quem preferissem, tendo em vista que 16 dos seus 31 parlamentares pretendiam votar em Arthur Lira (PP-AL), candidato apoiado por Bolsonaro, na eleição desta segunda-feira (01).

Segundo portal do G1, a informação do desembarque do DEM foi mal acolhida na noite desde domingo, em uma reunião tensa na casa de Maia, que teve a presença de ACM Neto, presidente do DEM, e outros interlocutores.

Ainda de acordo com informações, ele teria afirmado que, diante da saída do DEM do bloco, não lhe restaria outra alternativa a não ser aprovar um dos mais de 60 pedidos de impeachment de Bolsonaro.

Outros políticos presentes na reunião sugeriram a Maia aceitar não um, e sim todos os pedidos.

Representantes de siglas de esquerda teriam falado que, caso o DEM desembarcasse da candidatura de Baleia Rossi, removeriam o apoio à Rodrigo Pacheco (DEM-MG) na disputa pelo comando do Senado. 

Via Blog Natuza Nery, G1

Artigos relacionados

Escreva um comentário