Notícias

Mulheres são presas por suspeita de negociar venda de bebê em Pernambuco

De acordo com a polícia, moradora de rua se apresentou para parto com nome de outra mulher

Duas mulheres foram presas por negociar a venda de um bebê, em um hospital de Jaboatão dos Guararapes, na Região Metropolitana do Recife. De acordo com a Polícia Civil, a mãe da criança é uma moradora de rua, que deu entrada na unidade em trabalho de parto, mas a criança estava com outro nome de genitora na Certidão de Nascimento. Uma vendedora de cosméticos de 36 anos. Os detalhes foram apresentados pela Polícia Civil nesta quinta-feira (10).

Após dar à luz, funcionários do hospital começaram a estranhar o fato de que a mãe não sabia pronunciar o próprio nome e acionaram a polícia. Durante as diligências, os investigadores descobriram que a mãe do bebê teria sido aliciada pela vendedora para entregar a ela o filho recém nascido.

Audiência de Custódia

A delegada Vilaneide Aguiar afirmou que a mãe seria viciada em drogas. Tanto a moradora de rua quanto a vendedora de cosméticos foram autuadas em flagrante, mas liberadas na audiência de custódia. Segundo a polícia, depois da Justiça ter concedido a liberdade, as duas ainda teriam tentado novamente retirar o bebê do hospital

Inquérito

As duas permanecem respondendo ao inquérito em liberdade. O bebê está sob custódia do estado.

Via TV Jornal

Etiquetas
Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *