Notícias

Greve de funcionários da Compesa não vai parar abastecimento de água

Do NE10

A greve dos funcionários da Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) não vai suspender o abastecimento de água no Estado, ao contrário do que dizem mensagens circuladas no aplicativo WhatsApp esta semana. “Nosso intuito não é jogar a sociedade contra os trabalhadores e sim fazer com que ela fique ao nosso lado, sem clima de terror”, garante o presidente do Sindicato dos Urbanitários (Sindurb), José Gomes Barbosa Filho.

A categoria deflagrou greve por tempo indeterminado a partir do próximo sábado (8). Nota assinada pela diretoria da Compesa informa que “espera que os serviços essenciais sejam mantidos pelos trabalhadores, conforme o compromisso oficializado pelo sindicato em Ofício de nº 111/2015 respeitando o que estabelece a Lei de Greve”.
O Sindurb pede 13,28% de reajuste nos salários, enquanto a proposta é de 8,34%, dividido em duas parcelas (5% agora e 3,34% em abril de 2016). Eles também pedem valorização do ticket alimentação. Atualmente, o valor recebido é de R$ 24, e a reivindicação é de aumento para R$ 30. Os trabalhadores alegam que não há ganho real com as propostas da Compesa, quando considerada a inflação. “O argumento é o cenário de crise. Agora tudo a culpa é da crise”, alfineta Barbosa Filho. Diretoria da Compesa”.  (Leia a matéria completa no NE10)

Artigos relacionados

Escreva um comentário