Fundação de Bill Gates investe US$ 10 milhões em empresa de Pedro Coelho, filho de Fernando Bezerra

A agtech americana Provivi, fundada em 2013 pelo empreendedor Pedro Coelho, filho do senador Fernando Bezerra Coelho e irmão do atual prefeito de Petrolina, Miguel Coelho, acaba de receber um novo aporte de US$ 10 milhões (R$ 54,2 milhões) da Bill & Melinda Gates Foundation.

Pedro mora nos Estados Unidos há mais de 15 anos e é um dos fundadores da startup, que desenvolveu um feromônio biológico que causa confusão sexual na lagarta-do-cartucho, uma praga perigosa que ataca lavouras de milho, soja e algodão.

Apenas no Brasil, a lagarta-do-cartucho causou um prejuízo de R$ 34 bilhões em 2017, de acordo com dados do Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea) em parceria com a Associação Nacional de Defesa Vegetal (Andef).

O lançamento do feromônio contra a lagarta-do-cartucho no Brasil está previsto para o fim deste ano. Em 2020, o produto recebeu a aprovação do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa). Agora, a empresa está fazendo ensaios principalmente em fazendas de algodão na Bahia e Mato Grosso, antes do lançamento comercial.

Com o aporte da Gates Foundation, a Provivi se compromete a levar seus produtos a preço de custo para pequenos produtores do Quênia, Índia e Bangladesh. Os recursos serão usados justamente para expandir a atuação nesses três países. O objetivo é chegar a produtores que tradicionalmente ficam à margem das inovações tecnológicas. “Muitos deles não usam nenhum tipo de produto para proteção da lavoura. Fica por isso mesmo”, diz Pedro Coelho.

Via NeoFeed

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *