Notícias

Detran-PE orienta sobre acesso a CRLV físico após autorização para voltar a imprimir documentos de veículos

Liminar do TRF-4 fez Contran suspender trechos de uma resolução que proibia impressão do CRLV pelos órgãos estaduais. No estado, Detran agenda para emissão do documento físico.

Uma decisão da Justiça fez com que o Conselho Nacional de Trânsito (Contran) autorizasse que os documentos dos veículos pudessem ser emitidos em papel em todo país. Nesta quinta-feira (11), o Departamento Estadual de Trânsito de Pernambuco (Detran-PE) explicou que imprime o Certificado de Registro de Licenciamento (CRLV) por meio de agendamento, mas a prioridade é a versão digital.

Desde o início deste ano, estava em vigor uma resolução do Contran que proibia os órgãos estaduais de imprimirem documentos dos veículos, que deviam ser exclusivamente digitais. Dois trechos da norma foram suspensos atendendo a uma liminar do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4), no Rio Grande do Sul, que determinou que os documentos voltassem a ser impressos.

“[Essa liminar] concedeu para os excluídos digitais e também para os não sendo excluídos digitais a questão do fornecimento do papel A4, já que não existem mais as cédulas verdinhas”, explicou explicou o diretor-geral do Detran-PE, Sebastião Marinho.

Os proprietários de veículos que não conseguirem emitir o CRLV Eletrônico (CRLV-e) ou não tenham computador, celular (smartphone) ou impressora, podem agendar atendimento de “Análise para Emissão de CRLV” no site do Detran. Quem não tiver dificuldades com tecnologias, pode imprimir em casa.

“Quem chegar através de um agendamento no Detran, nos 104 postos nossos, Ciretrans, Shoppings e edifício sede, ele conseguirá ter acesso ao papel A4”, afirmou Marinho.

Apesar da possibilidade da obtenção do documento físico, em papel A4, mediante solicitação ao Detran, o documento digital, disponível pelo aplicativo da Carteira Digital de Trânsito (CDT) e pelo site do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), continua valendo como documento oficial.

“O que nós reforçamos é que é importante que se faça o digital, que se preserve o meio ambiente para quem tem acesso digital e deixe isso exclusivamente para os excluídos digitais”, ressaltou o diretor.

De acordo com ele, deve ser estudada a possibilidade de envio do documento impresso em papel A4 para o próximo ano, mas neste ano a solicitação deve ser feita de maneira presencial.

CRLV sem sair de casa

Para quem não tem dificuldade com utilização de celulares e computadores, o Detran apontou que há opção de imprimir o documento em casa, através do aplicativo Carteira Digital de Trânsito do Denatran, disponível gratuitamente para os sistemas Android e iOS, ou pelo site do órgão federal.

Antes de imprimir, é preciso realizar um cadastro, informar dados pessoais e dos veículos. Após esse processo, a pessoa tem acesso a uma versão em PDF do documento digital, que pode ser impressa em casa, em uma folha de papel A4 tradicional. Para dúvidas, é possível consultar o site do Detran.

Matéria relacionada: Detran-PE altera forma de emissão de documentos de veículos em 2021

Via G1 Pernambuco

Artigos relacionados

Escreva um comentário