Notícias

Depois de pressão popular, Ministério Público pede anulação de seleção simplificada de Prefeitura do Sertão do Pajeú

A seleção simplificada promovida pela Prefeitura de Carnaíba, agreste pernambucano vêm dando o que falar. Segundo os moradores a seleção foi realizada de maneira fraudulenta e a maioria que passou tem ligação parentesco ou eleitoral com membros do governo municipal. Depois de pressão popular e da oposição ao governo, o Ministério Público notificou a prefeitura para revogar o processo seletivo.

Segundo a denuncia protocolada ao Ministério Público, algumas falhas foram encontradas seleção e que acabaram calçando revolta perante a população. Além de aprovar vários candidatos com relação política com membros do governo; a lista de classificados não especifica a pontuação individual de cada candidato, dificultando a análise pelos candidatos não aprovados; o último dia de inscrição foi o dia 23 de fevereiro, uma sexta-feira, tendo os resultados sido divulgados no dia 26 de fevereiro, uma segunda-feira, fato que causa estranheza já que nos sábados e domingos os serviços públicos não funcionam.

As vagas do processo eram para os cargos de Agente Administrativo, Medico PSF, Médico Plantonista, Médico Cirurgião, Médico Anestesista, Médico Psiquiatra, Enfermeiro Plantonista, Odontólogo, Auxiliar Saúde Bucal, Técnico de Enfermagem, Fisioterapeuta, Psicólogo, Nutricionista, Educador Físico, Farmacêutico, Agente Comunitário de Saúde, Bioquímico, Professor de História, Professor de Educação Física, Professor de Ciências, Professor de Matemática e Professor do 1º ao 5º ano.

Via Carlos Britto

Etiquetas

Elvis Lima

Jornalista, blogueiro, apaixonado pelo sertão nordestino.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *