Economia

Crise: Belém do São Francisco corta até gratificações da Educação

Nem a área da Educação escapou do enxugamento das contas da Prefeitura de Belém do São Francisco, no Sertão de Pernambuco. Na última sexta-feira (18), o prefeito Gustavo Caribé, acompanhado do secretário de Educação Hélio Roberto, esteve reunido com o setor pedagógico do município para anunciar algumas medidas, entre elas o corte de gratificações.

“Quero lembrar que estamos atravessando uma crise financeira, hídrica e moral na política do Brasil, sem precedentes. Inevitavelmente, temos a obrigação, enquanto gestor, de tomar as mais diversas e impopulares decisões para que, assim, possamos honrar com nossas obrigações e nos enquadrarmos na lei de responsabilidade fiscal”, disse Caribé. No decorrer da semana, outras reuniões serão realizadas com os demais setores para tratar do assunto.

Artigos relacionados

Escreva um comentário