Câmara Municipal de Floresta terá em Regimento Interno e Lei Orgânica em braile

Dando continuidade as ações voltadas para acessibilidade, a Presidência da Câmara Municipal de Floresta deverá investir na confecção do Regimento Interno e Lei Orgânica em braile.

Em recente visita ao Instituto Legislativo do Senado Federal, em Brasília, o presidente, o vereador Murilo Alexandre de Almeida, conversou com Prof. Luís Fernando Pires Machado, Coordenador de Planejamento e Fomento, onde apresentou um exemplar da Constituição Brasileira impressa em braile.

O sistema Braille é um processo de escrita e leitura baseado em 64 símbolos em relevo, resultantes da combinação de até seis pontos dispostos em duas colunas de três pontos cada. Pode-se fazer a representação tanto de letras, como algarismos e sinais de pontuação. Ele é utilizado por pessoas cegas ou com baixa visão, e a leitura é feita da esquerda para a direita, ao toque de uma ou duas mãos ao mesmo tempo.

“Na ocasião tratamos da parceria entre Senado Federal e Câmara Municipal de Floresta para também produzir exemplares de nosso Regimento Interno e de nossa Lei Orgânica Municipal impressos em braile. A iniciativa promoverá a inclusão social dos nossos portadores com deficiência visual, possibilitando a todos o direito de ser cidadão e de exercerem sua cidadania”, ressaltou Murilo.

Recentemente, a Câmara Municipal de Floresta passou por reformas, e sob orientação de Murilo, foram instaladas rampas de acesso ao prédio e construído um banheiro especial, adaptado para atender as necessidades de cadeirantes.

banheiro para deficientes na camara municipal de vereadores de floresta-pe

Ascom/Câmara Municipal de Floresta-PE

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *