Economia

Aposentadoria militar, sem idade mínima, é aprovada em comissão do Senado

A Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional do Senado aprovou nesta terça-feira (3), em votação simbólica, o relatório da reforma da Previdência dos militares. A proposta tem vantagens em relação a trabalhadores da iniciativa privada e servidores públicos. O texto segue agora para o plenário Senado. Se aprovado sem alterações, segue para sanção presidencial.

Os militares receberão salário integral ao se aposentar, não terão idade mínima obrigatória e vão pagar contribuição de 10,5% (iniciativa privada paga de 7,5% a 11,68% ao INSS). Com esses benefícios, a economia com a reforma dos militares vai cair de R$ 97,3 bilhões para R$ 10,45 bilhões em dez anos.

Via UOL

Etiquetas
Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *