Notícias

Amigas fazem campanha na tentativa de conseguir peruca para florestana com doença rara

A jovem Natália Rocha tinha apenas 16 anos de idade quando descobriu que tinha uma doença rara. A Alopecia Areata atinge aproximadamente 2% da população. Hoje com 26 anos, a florestana sonha em ganhar uma peruca de cabelo humano natural.

As amigas de Natália criaram uma campanha nas redes sociais na tentativa de ganhar a peruca do cantor Pablo Vittar. O artista conhecido nacionalmente já fez gestos semelhantes anteriormente. “Então estamos fazendo uma campanha para que essa mensagem chegue até ele, para ajudar nossa amiga, esperamos contar com todos vocês”, disseram as amigas no texto da campanha.

Para ajudar a campanha das amigas de Natália basta compartilhar foto e o texto abaixo nas redes sociais. Quem desejar também pode entrar em contato através dos telefones (87) 99825.7749, (87) 99964.0074 ou (75) 99825.7749 e ajudar de outras formas.

Olá gente, tem uma miga minha que gostaria muito de ganhar uma peruca, ela não tem condições e tem uma filha linda. O nome dela é Natália Rocha, conhecida como Natasha, tem 26 anos , ela é da cidade de Floresta-Pe, pensamos em pedir ao cantor Pablo Vittar, que já ajudou outras pessoas. Então estamos fazendo uma campanha para que essa mensagem chegue até ele, para ajudar nossa amiga, esperamos contar com todos vocês. É só compartilhar essa mensagem da melhor formar possível para que chegue até lá. A gente agradece, nossa amiga agradece, ajuda por favor. É só publicar no seu stories e marcar o Pablo Vittar e a nossa amiga @agridoceee #Pablovittarajudanossanaty

O que é Alopecia Areata? A Alopecia Areata é uma condição caracterizada pela perda de cabelos ou de pelos em áreas arredondadas ou ovais do couro cabeludo ou de outras partes do corpo, comumente chamada de “peladeira”. Em alguns casos, pode haver perda total de todos os pelos do corpo, inclusive cílios. Esse problema é comum em cerca de 1 a 2% da população.

Tratamentos Para Alopécia Areata: Não há cura para Alopecia Areata, mas certos tratamentos podem promover crescimento do cabelo e as placas podem continuar a aparecer. O tratamento não significa cura, apenas o próprio corpo pode eventualmente parar o desenvolvimento da doença.

Via Blog do Elvis/NE10

Etiquetas

Elvis Lima

Jornalista, blogueiro, apaixonado pelo sertão nordestino.

Artigos relacionados

3 Comentários

  1. Natália,meu nome é Sara.Eu li o artigo mostrando o ocorrido.Quero te dizer que também tive o mesmo problema,só que de menor intensidade
    . Problemas na família me fizeram sofrer a tal ponto que surgiram uns quatro círculos abertos no couro cabeludo.nao tenho como te ajudar financeiramente agora,mas quero te dizer que existe cura sim.A palavra de Deus diz que Jesus já levou todas as nossas dores e enfermidades,todos os nossos pecados e iniqüidade,e pelas feridas de Cristo fomos sarados.
    Profetize a cura na sua vida em Nome do Senhor Jesus.Se crentes,será salvo tu e a tua casa.
    Busque a Deus na igreja Assembleia de Deus ou na Batista e tenha uma experiência com Deus.
    Jesus te ama.
    Ele disse: Eu sou o caminho,a verdade é a vida,e ninguém vem ao Pai se não por mim.
    Eu fui curada para a honra e Glória do Senhor Jesus.Esse é o meu testemunho de Fé em Deus.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *